Postagens

O PODER PARA PODER PHODER.

Já faz tempo que não venho aqui deixar minhas impressões, talvez, por estar me anestesiando e, por isso, estar perdendo a capacidade de me enojar com tudo o que tem ocorrido no Brasil, e também, porque não dizer, no mundo. 
Estamos mesmo chegando à tal Data-Limite, exposta por Chico Xavier, que vence em março de 2019, ou seja, daqui a um ano precisamente. 

Ontem também, completei meu primeiro ano como Motorista de Aplicativos, trabalho temporário ao qual me alistei para não ficar parado depois de perder meu negócio e nem entrar em depressão.

O interessante nesse aspecto é que tenho conversado com milhares de pessoas de todas as classes sociais.  Conheci cientistas,  operários, executivos, enfim, de todas as latitudes e longitudes do mercado.  O que percebi é fato.  Há um anestesiamento geral, um sentimento de falta de perspectivas, um sonambulismo morto-vivo que assola a população.

O tempo agora é curto, mas o suficiente para se deixar as noticias de lado, afinal de contas, não dá mai…

BOA VIAGEM... !!!!

Imagem

DOIS IRMÃOS

Ufa, agora com muito pouco tempo, um novo trabalho, e tantas outras preocupações, fica difícil encontrar tempo e ânimo para escrever qualquer coisa.  Mas não poderia ficar alheio, e nem estou, a tudo o que vem ocorrendo no campo político do nosso país.

Principalmente nos últimos acontecimentos que se apresentaram  recentemente e que chocaram, (não a mim) toda a opinião pública.  A bomba gravada e filmada por dois irmãos donos da JBS .

Eles fizeram um acordo com o MPF e apresentaram gravações onde Temer praticamente confessa crimes e Aécio também.  Certo...!  Até ai tudo bem!  O MPF aceitou o acordo e os tais irmãosinhos ganharam imunidade.  Não pagarão pelos crimes que cometeram e se safaram numa boa.  Até ganharam dinheiro aplicando em dólares antes da explosão da bomba e, devem ter faturado alto na venda em alta logo no dia seguinte...jogo rápido e lucrativo.

Sendo assim, deixaram todos se matando por aqui e foram pra Nova York curtir a vida adoidado.

Bem,... eu achei meio estranho …

ANTES, DURANTE E DEPOIS DA "ALEGRIA"

Depois de um tempo de descanso quase obrigatório dos assuntos absurdos que continuam mexendo com nossas vidas e nossos sonhos, eis que não dá pra aguentar ficar fora desses registros que mantenho até para que possa, um dia, recordá-los.

Nem vou me ater às questões internacionais com suas fogueiras constantemente alimentadas pelo EI, ou a eleição daqueles destrambelhado cor-de-laranja.

Meu foco é aqui.  Minha visão paira silenciosa por sobre os fatos, boatos, intrigas, crimes, crises, enfim, em tudo aquilo que está mais perto e incomoda os meus irmãos brasileiros tal qual os odiosos mosquitos pintados.

Vejo a todo instante, nossos representantes públicos cuidando apenas de seus próprios interesses e também buscando formas de salvar suas nádegas imundas dos petardos que lhes ameaçam, o país? o país que se dane, os brasileiros que se virem,  cada um que cuide do seu.

Nas redes sociais e portais, blogs, noticias, encontramos exércitos de militantes, robôs, mercenários, e toda a sorte de …

PENALIDADE MÁXIMA ! ... (Final)

continuando...

Como vinha dizendo sobre a tal penalidade de imobilização permanente apenas para bandidos de alta periculosidade e sem nenhuma chance de qualquer tipo de recuperação, já enviei a sugestão para um Deputado Federal e aguardo a resposta.

Alguns podem dizer que isso não iria adiantar, porque o marginal poderia continuar se comunicando e enviando ordens.  Eu não acredito que pudesse fazer isso, até porque perderia muito o respeito dos comparsas já que se encontraria impossibilitado de se movimentar e seguiria  uma rotina entre um leito e uma cadeira de rodas que seria empurrada pelo enfermeiro que sugeri.  Mesmo se houvesse algum plano para libertá-lo, quem iria depois cuidar desse meliante e ainda continuar a escondê-lo das autoridades?  

Mas o fator mais interessante, seria, sem sombra de dúvidas o desestímulo aos futuros candidatos a chefes de facção, homicidas, chefes de tráfico, enfim, todos aqueles que só são humanos na casca e na aparência por assim dizer.   Nenhum d…

PENALIDADE MÁXIMA (parte 1)

Uma realidade tem nos confrontado há décadas.  O que fazer, ou como tratar aqueles que se colocam à margem da lei.  Como fazer com que determinado tipo de punição possa exercer sua efetiva finalidade?   Possa também respeitar os direitos humanos?  Muitos países acreditam que resolvem esses problemas com a pena de morte.  Mas isso tem funcionado?

Acredito que não.  Basta ver que em países como o Irã em que até a corrupção é penalizada dessa forma e, no entanto, mesmo assim, existe corrupção, já que isso é inerente ao ser humano. Todos nós somos corruptos em maior ou menor grau, mas nem todos se defrontam com circunstâncias que possam realmente promover esse fato.  Um exemplo disse é um pai honestíssimo que seria sim, capaz de se corromper para salvar um filho.  Mas essa já é outra questão.

O que tenho visto nos últimos dias e, nos primeiros desse ano, são as barbaridades cada vez maiores cometidas por marginais que assolam a nossa sociedade, certos de que mesmo sendo punidos, não tom…

RESPOSTAS ÍNTIMAS

Somos seres viventes dentro de uma dimensão, só que existem infindáveis dimensões. Vamos excetuar aqui o misticismo religioso que vem de diversas interpretações. Somos seres que captam, alguns mais, outros menos, as ondas ou energias dessas outras dimensões. Quando estamos calmos, relaxados, com pensamentos coerentes, estamos em sintonia com energias dessa nossa dimensão. Mas quando nos alteramos, quando nos sentimos dentro dos aspectos colocados como os 7 pecados capitais, então sim, estamos captando energias de outras dimensões e seus seres menos evoluídos. As religiões os chamam de espíritos ou almas diabólicas. Já penso serem os seres extra dimensionais ainda em processo evolutivo.
Raramente temos a oportunidade de captar os seres mais evoluídos, porque eles pouco se interessam por nós, não por uma questão de abandono, mas por saberem que nós iremos evoluir quer queiramos ou não. É só uma questão de tempo que eles sabem não ter significado no eterno. A lenda do demônio só …