PAÍS JUSTO, É PAIS SEM IMPUNIDADE

É preciso ser claro...muito claro...claríssimo até ao ponto de se ter que desenhar achando que, dessa forma, alguém possa entender. Mas não;  fingem que não entendem para, em seguida ridicularizar.
Já expressei em diversos lugares na internet que não sou contra a corrupção, mas sim, contra a impunidade.  É ela, a impunidade, que alimenta a cadeia corruptiva.  Não adianta ser contra a corrupção e aceitar a impunidade.  O que estamos vendo hoje no Brasil é exatamente isso. A impunidade sendo aplicada de todas as formas possíveis.  É certo que muitos agentes do crime estão atualmente presos, mas aguardam julgamentos e, consequentemente seus advogados caríssimos brigam para encontrar e colocar seus clientes dentro de possíveis brechas que possam lhes aliviar as cargas punitivas.
Grandes exemplos demonstrados nos figurões da elite petista que está fora da cadeia enquanto os menos afortunados que lhes ajudaram amargam nas celas.  Ainda por cima, posam de injustiçados e guerreiros vitimizados por uma justiça seletiva e tacanha.

Nos próximos dias, talvez semanas, ou mesmo meses, algo terá que ser feito. Mais políticos estarão na mira da justiça.  Até a Presidente da República e o ex-presidente também.  Resta saber se o nosso judiciário está ou não tão infectado que possa terminar nas famosas e tão consumidas pizzas.

Quando a impunidade assume sua existência real, alimenta, por assim dizer, o pensamento de que o crime realmente compensa e aí adianta ser contra a corrupção somente?
Seria o mesmo que tirarem as multas para quem passa em semáforos fechados mas se dizer contra tal ato.  Vai diminuir ou aumentar os choques e atropelamentos nos cruzamentos???

Já passou da hora de: nesse país, adotarem uma postura mais comprometida  com a justiça. Não dá mais para insistirmos em um sistema praticamente falido onde só preto e pobre são  punidos e, até as vezes injustamente, por não ter uma defesa adequada.  Depois então, jogados em verdadeiros depósitos humanos como são as unidades prisionais.  Até o Ministro da Justiça já definiu como "masmorras", no entanto, isso foi antes dos amigos dele irem para a prisão e agora que já estão em casa, não disse mais nada.

Espero que isso acabe entrando nas pautas das manifestações do dia 12 de abril...

...lá estarei ...



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

COELHOS NA PISCINA

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS